Quem reside em apartamentos também tem direito a fazer churrascos. Contudo, tem de assegurar que não incomoda os restantes vizinhos e que as normas do condomínio são respeitadas.

A lei é bem clara ao proibir a emissão de fumo, fuligem, vapores, cheiros, calor, ruídos ou quaisquer ocorrências que possam prejudicar os vizinhos. E com vizinhos o legislador não se refere apenas aos outros condóminos, mas a todas as pessoas que vivem nas redondezas do apartamento. É, por isso, necessário que sempre que se pensa em juntar amigos e familiares em volta de um churrasco se planeie antecipadamente o momento, de modo a evitar conflitos.

Caso o prédio onde reside disponha de área comum específica para fazer churrascos, essa deve ser a sua escolha. Além disso, deve procurar soluções para que o fumo e os cheiros não incomodem os restantes residentes.

Cartoon

Dicas para um churrasco tranquilo

  • Se o condomínio já possuir um espaço destinado a churrascos, apenas há que cumprir as normas instituídas no regulamento do condomínio e passar um momento divertido.
  • Caso seja a sua fração a possuir uma churrasqueira fixa, coloque, se possível, placas de vidro temperado nas laterais. Este pequeno truque evita que o fumo e o cheiro se espalhem com facilidade, dentro e fora do apartamento.
  • Procure informar-se sobre as regras específicas do seu condomínio em relação a este tipo de convívio. Pode ter sido decidido proibir qualquer tipo de churrasco nas varandas ou terraços do edifício.
  • Dê preferência a grelhadores elétricos. Sem o uso do carvão há menos fumo.
  • No caso dos grelhadores portáteis, mas a carvão, é recomendável que procure grelhas específicas que impeçam que a gordura caia sobre as brasas, originando o indesejado fumo.
  • A escolha de alimentos como bifes, espetadas, legumes ou fruta em detrimento do peixe ou marisco é preferível, tendo em conta que originam menos cheiros.

A ter em conta

Para ter acesso ao artigo completo:
SUBSCREVA o Condomínio DECO+
ou
ENTRE na sua conta.